18 outubro 2017
Nicoli Vieira

Resenha do Livro #281: A Geografia de Nós Dois - Jennifer E. Smith

Título: A Geografia de Nós Dois
Autor: Jennifer E. Smith
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501106223
Ano: 2016
Páginas: 272
Onde comprar: Amazon | Saraiva

Classificação:



Olá, leitores! Hoje a resenha será do livro "A geografia de nós dois" da Jennifer E. Smith, publicado aqui no Brasil pela Galera Record.
“Se traçassem um mapa dos dois, de onde tinham começado e de onde terminariam, as linhas seguiriam para longe uma da outra como imãs de polos opostos. E já tinha ocorrido a Owen que havia algo de profundamente errado com aquilo, que deveriam existir círculos ou ângulos ou voltar, qualquer tipo de traço que possibilitasse às duas linhas voltarem a se encontrar. Em vez disso, iam em direções opostas. O mapa era o mesmo que uma porta prestes a se fechar. E a geografia da situação – a geografia dos dois – estava completa e irremediavelmente errada.”
É um dia típico e ensolarado na grande Nova York, com os termômetros explodindo pela sensação térmica. Enquanto isso, Lucy estava pegando o elevador de seu prédio quando acontece um blecaute que para a cidade inteira, inclusive o elevador, deixando Lucy trancada naquele cubículo. Mas ela não está sozinha, junto à ela está Owen, filho do administrador do prédio. Os dois são completamente opostos, enquanto Lucy mora em um apartamento enorme, Owen vive com o pai no subsolo do apartamento. E toda aquela situação inesperada fez com que os dois desenvolvessem um diálogo, e foi assim que Lucy descobriu que Owen é primo do dono do prédio, e o pai foi convidado por ele para trabalhar no prédio depois do falecimento de sua mãe; e Owen descobriu que Lucy vivia praticamente sozinha, já que os seus irmãos cursavam faculdade longe de NY e os pais dela ficavam viajando pela Europa por causa do trabalho.
Depois de conseguirem sair do elevador, eles começam uma "mini" aventura pela cidade, saindo para comprar sorvete, água e depois voltam para o prédio; começam a conversar sobre a vida de cada e como tudo é tão complicado para os dois. Então Owen resolve levá-la para o terraço do prédio para mostrar como tudo é lindo visto de cima, e por lá mesmo eles adormecem. No dia seguinte, quando Lucy acorda, Owen já não está lá mais -ele havia ido procurar o pai que havia saído um pouco antes do blecaute, e o encontrou totalmente desidratado e febril, então ficou cuidando dele-, a partir deste momento os caminhos deles se separam e toda aquela amizade que eles haviam criado estava ficando cada vez mais distante.
 “Pela primeira vez em semanas, ele se sentiu aceso por dentro, mesmo na mais escura das noites.”
Esse foi o primeiro contato que tive com a autora, ela já escreveu outros livros que vocês devem conhecer, mas como minha primeira leitura devo confessar que torcia em cada página para Lucy e Owen permanecerem juntos, mesmo com a geografia tentando separá-los. Nesse livro não vemos apenas a relação de amor e amizade, e sim a relação entre a família, enquanto Lucy tem pais distantes dela -tanto fisicamente quanto emocionalmente-, Owen tem um pai que está destruído desde a morte da esposa. 
Os capítulos são alternados pelos pontos de vistas dos dois, o que acho bem legal, as páginas são meio amareladas e tem um ótimo tamanho de letra para os míopes como eu. Recomendo esse livro para ler em um feriado ou parar curar uma ressaca literária.
Me contem nos comentários se já leram e o que acharam da história, irei amar saber.

Comentários via Facebook

4 COMENTÁRIOS:

  1. Acho uma graça esses colares de poção!😍
    E adorei cada um deles. Mas o que achei mais lindinho foi o "Love Potion".
    Quebrei um da minha filha sem querer bem parecido com esse,e ela ficou beeeem aborrecida. 😂

    Adorei o tutorial!

    ResponderExcluir
  2. Já faz um tempinho que tenho vontade de ler esse livro Nicoli.
    Lendo a resenha, me lembrei desses filmes em que nada sai como o planejado e que dá até mesmo uma certa ansiedade para que o casal enfim encontre o mesmo caminho.

    Achei super fofo o trecho que nos mostrou,em como o Owen estava se sentindo. Em geral sensações assim em livros são direcionadas para os sentimentos das mulheres.

    Espero que o casal se encontre. As vezes parece mesmo que tudo conspira contra.

    Ainda vou ler esse livro. Parece ser lindo!

    ResponderExcluir
  3. Oi! Adorei a ideia!! Deve ficar um mimo enfeitando a estante. Acho difícil eu encontrar mini garrafinhas com rolha, mas vou procurar e tentar fazer! O legal é que da pra fazer com o tema que quiser hahah beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi! Tenho esse livro pois o ganhei em um sorteio, mas meio que ainda não me despertou vontade para ler. Acho que eu preferiria conhecer a história através de uma adaptação cinematográfica, já que esse tipo de leitura (romance) não me agrada muito. Beijos

    ResponderExcluir