01 dezembro 2015
Leonardo Ribeiro

Resenha de Livro #190: Supernova: A Estrela dos Mortos - Renan Carvalho

Título: Supernova: A Estrela dos Mortos (#02 Trilogia Supernova) 
Autor: Renan Carvalho
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581637914
Ano: 2015
Páginas: 480
Classificação


Atenção! Se você ainda não leu  Supernova: O Encantador de Flechas, essa resenha poderá conter spoilers. Livros da série:  Supernova: O Encantador de Flechas - Depois de Você.

A Estrela dos Mortos é o segundo volume da série Supernova, escrita por Renan Carvalho e publicada pela Novo Conceito.

O livro anterior tem um final que lhe deixa com muitas dúvidas, e para a decepção de quem leu o anterior e ainda não leu esse, vai uma dica: nessa continuação você não irá satisfazer, logo de cara, as curiosidades que o final do livro anterior deixou. Então segurem o forninho porque ainda vai vim muita emoção.

A escrita do Renan já era boa, mas ainda assim conseguiu melhorar bastante, deixando ali nas entrelinhas um certo amadurecimento. Entretanto, como no livro anterior, eu demorei para acostumar com a parte dos diálogos dos personagens, pois sinto uma conversação um tanto forçada. 

Só que mais ou menos na metade do livro isso deixou de ser um problema para mim, ainda não sei se foi porque eu já estava bastante envolvido com a trama ou se a escrita melhorou por si.

Em relação aos nossos queridinhos, vulgo: Leran, Luana e Judra. Eles estão FANTASTICOS! Mais poderosos, mais habilidosos, com exceção da Judra que é uma incógnita, que por sua vez, não posso falar mais que isso. 


Ainda entra outro personagem que tenho certeza que vocês irão amar: Gueth Hur. Não vou dizer mais sobre ele para não revelar spoilers, mas já posso adiantar isso. Outra personagem que entra na trama é a Tlavi Hur, porém “meu santo não bateu com o dela”. Ela é uma das mocinhas chatas, porém conheço pessoas que adoraram ela, então essa questão sobre a Tlavi varia.

O cenário não é mais Acigam e sim o mundo! Nossos controladores de energia fazem várias viagens e passam por vários cenários. Esse é outro ponto positivo do enredo, que não vai ficar só na visão do que está dentro do muro de Acigam, mas fora dele.

A Novo Conceito caprichou na diagramação. O livro é cheio de imagens, o que nos passa uma ideia do que está acontecendo em detalhes, e no final do livro vem um apêndice que esclarece algumas curiosidades que temos durante e depois da leitura. A Estrela dos Mortos é um livro muito bem pensado e vale a pena acompanhar a trilogia.

Comentários via Facebook

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário