27 junho 2015
Patrícia Oliveira

Resenha de Livro #174: A Torre Acima do Véu - Roberta Spindler

Título: A Torre Acima do Véu
Autor: Roberta Spindler
Editora: Giz Editorial
ISBN: 9788578552318
Ano: 2014
Páginas: 272
Classificação

Resenha escrita por Nara Dias

O livro A Torre Acima do Véu, foi escrito pela autora nacional Roberta Spindler, e publicado pela Editora Giz Editorial.

A história é contada 53 anos após o aparecimento de uma névoa que exterminou bilhões de pessoas no mundo todo. Uma pequena parcela da humanidade consegue salvar-se, refugiando-se nos andares mais altos dos mega edifícios. Outros tantos, expostos a névoa sofreram mutações que os transforaram em seres chamados de “os sombras”. Algumas das crianças nascidas após o véu eram chamadas de acordo com sua habilidade extraordinária: combatentes, corredores, teleportadores, oráculos, saltadores, entre tantos outros.
“Usavam roupas em frangalhos, rasgadas e cheias de buracos, seus braços nus eram cobertos por veias rugosas, como caminhos de um ninho de formiga. Tinham os rostos sem expressão, mas seus olhos emitiam um sinistro brilho azulado. Das cabeças desprovidas de cabelos despontavam calombos disformes.”

Para organizar um pouco a situação, Faysal e outros sobreviventes criam a Torre e segregam a população em quatro setores. O Setor 1 é  onde cerca de 5 mil pessoas trabalham no comando da torre, Faysal já morreu e seu filho Emir é quem lidera tudo.  No Setor 2 ocorre as vendas de produtos e serviços. Já no Setor 3 fica a maior população de sobreviventes de diversas etnias. E no Setor 4 temos a escória de sobreviventes, facções contrárias à liderança da torre, tráfico de drogas como marihum, etc.

Rebeca e Eduardo foram adotadas por Lion, moram no setor 2 e trabalham como entregadores, eles procuram em meio aos destroços objetos que algum cliente necessita. Quando uma das missões dá errada e o jovem Eduardo despenca de um mega edifício, todos acreditam em sua morte certa, porém Rato faz Rebeca acreditar que ele está sendo mantido como prisioneiro dentro da névoa.

No decorrer da história algumas perguntas vão sendo respondidas: Por que a névoa surgiu? Quais segredos a Torre esconde? Rato é realmente um aliado? Os sombras são seres ignorantes e desprovidos de inteligência?

Confesso que não estava animada no início da leitura, mas a história foi ficando interessante e gostei do final. O livro escrito por Roberta me lembrou Resident Evil e também as obras do também brasileiro André Vianco, por ter uma trama interessante e uma leve pitada de romance.

Comentários via Facebook

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário